ulna óssea (ULNA)

0
22895

Eu- Introdução :

A forma cúbito com o raio do braço Lavant dois ossos. C’é’osso interno’antebraço. É ainda, grandes. ele s’articula-se com:
A tróclea do úmero da periferia da cabeça radial é articulado na parte inferior com :
O côndilo do carpo.
O entalhe sigmóide do raio.

colocação :

  • para cima : eu’extremidade maior
  • para a frente : grande reentrância conjunta da referida extremidade
  • fora : No início articular recuo dos mesmos

II- anatomia descritiva :

A ulna tem para descrever :
* Um corpo ou eixo
* Ambas as extremidades ou epífises : proximal (superior) e distal (baixar)

1- Corpo ou eixo :

três lados : anterior, posterior e medial.
três arestas : anterior, posterior e lateral

* os rostos

face frontal :

Seu calibre é reduzida de cima para baixo. Na maior parte do lado anterior do’ulna s’insere músculo flexor profundo dos dedos (o 3/4 superior) e a parte restante (1/4 baixar) se encaixa o músculo pronador quadrado.

posterior :

aspectos gerais mesmos para o eixo, longa dupla curvatura. eu’inserção do músculo flexor dos dedos profundos transborda na borda interna, em seguida, um pouco sobre a face posterior- interno. No externa posterior, quatro inserções sucessivas a partir de cima para baixo :

  • músculo abdutor longo do polegar
  • polegar extensor muscular
  • polegar extensor muscular
  • músculo extensor limpo’índice.

Acima destes quatro inserções, existe uma pequena crista que delimita a’inserção do músculo anconé (eu’um dos músculos epicondilares).

medial :

Dá de inserção para o flexor músculo (digitorum flexor profundo)

* as arestas :

borda frontal :

Dá de inserção para o flexor músculo (digitorum flexor profundo)

margem posterior :

Dá de inserção para o flexor e extensor ulnar do carpo (cubital anterior e posterior ulnar)

bordo lateral :

Dê inserção supinador (supinateur tribunal)

2- epiphyseal :

UMA- epífise superior :

É constituída de duas extensões, eu’uma horizontal (o processo coronoide) e’outra vertical (eu’olecranon). Toda a forma um gancho que se encaixa a tróclea do úmero. eu’olecrano e processo coronoide consistem em duas facetas côncavas separadas por uma crista, para atender as duas faces convexas da tróclea do úmero.

  • eu’ulna tem no lado externo do processo coronóide, uma faceta radial que recebe a circunferência da cabeça radial.

-Na frente do processo coronóide, se encaixa o braquial, eo pronador teres músculos e flexor superficial dedo.

  • O lado posterior do’O olécrano é marcado por duas cristas oblíquas, que coalescem para formar a crista ulnar. Ao longo destes cumes para baixo as inserções dos músculos tríceps. Ao longo da cordilheira do meio desce l’inserção dos flexores ulnares do carpo (medial) e extensor ulnar do carpo (fora).

B- menor epífise :

C’é a cabeça ulnar. ele s’articula apenas com a faceta ulnar do raio. É coberta com cartilagem e é estendida em um processo estiloide

Curso de Pr BELHOULA – Faculdade de Constantino