riscos biológicos no local de trabalho

0
4885

Eu- visão global :

riscos biológicos estão relacionados à exposição a agentes biológicos no local de trabalho. Os agentes biológicos estão presentes em todos os ambientes de trabalho. A maioria deles são inofensivos aos seres humanos, No entanto, alguns podem causar mais ou menos graves doenças : infecções, alergias, intoxicação e câncer mesmo.

II- EXPOSITORES DE TRABALHO :

– L'agricultura.
– agronegócio.
– configurações de cuidados de saúde.
– laboratórios analíticos.
– Trabalho em contacto com animais.
– trabalho de remediação (tratamento de águas, desperdiçar…).

III- DIFERENTES TIPOS DE AGENTES BIOLÓGICOS :

Os agentes biológicos, são classificados em cinco categorias principais :

1- bactérias :

As bactérias são os mais numerosos seres, mas apenas alguns deles são patogénicas para os seres humanos. Estes microrganismos são compostos de uma única célula (1 para 10 microns), haste enforme (então chamados bacilos) ou forma redonda (chamados conchas). Gram diferencia estas bactérias : alguns aparecem em roxo (eles são chamados de bactérias Gram-positivas), d’autres en rose (Grama- negativo). Eles se multiplicam em alta velocidade e quando as condições externas são desfavoráveis, eles podem esporulam e tornar-se muito resistente.

2- vírus :

Estas são as menores de agentes infecciosos a partir de um décimo de um micron, visível apenas por microscopia eletrônica. Eles consistem de uma cside contendo material genético de ADN ou ARN. Eles são agentes intracelulares obrigatórios, eles devem invadir a célula, a fim de multiplicar.

3- parasitas :

Micro-organismes vivant à lintérieur et aux dépens dun organisme d’une autre espèce, eles podem atingir o tamanho considerável, até vários metros, alguns são parasitas responsáveis ​​por graves (malária, toxoplasmose). Há dois grupos principais :
– protozoários (unicellulaires) : que consiste de uma célula com núcleo, ter uma grande diversidade (de 10 mícron 2 cm).
– helmintos (pluricellulaires) : a medição achatada ou cilíndrico de 50 mícron 8 metros.

Eles podem ser transmitidos por picada de insecto, por via oral ou através da pele intacta.

4- cogumelos :

microorganismos (1 para 100 microns) pouvant être composés d’uma célula (levedura) ou mais células (molde). Apenas alguns são patogénicas para os seres humanos. Eles formam esporos de resistir às más condições de vida e quando as condições favoráveis ​​devolver os esporos germinam e filamentos de formulário (ovas).

Os esporos dos fungos (ou esporos fúngicos) se dispersent facilement et participent à leur grande dissémination dans l’meio Ambiente.

5- Priões ou agentes transmissíveis não convencionais (ATNC) :

Estes não são células, mas protea, eles são um

grupo separado. Estes são agentes transmissíveis não convencionais, seu tamanho varia em torno de 0,01 mícron, responsável por encefalopatias espongiformes transmissíveis (doenças degenerativas do sistema nervoso

central chez lhomme et les animaux). Sua natureza exata ainda não é conhecido.

IV- Classificação dos agentes biológicos :

Les agents biologiques sont classés en quatre groupes en fonction de limportance du risque dinfection qu’eles apresentam :
– o grupo 1 : comprend les agents biologiques non susceptibles de provoquer une maladie chez l’homem.
– o grupo 2 : comprend les agents biologiques pouvant provoquer une maladie chez l’homem, a sua propagação na comunidade é improvável, existe profilaxia ou tratamento geralmente eficazes.
– o grupo 3 : comprend les agents biologiques pouvant provoquer une maladie grave chez lhomme et constituer un danger sérieux pour les travailleurs, sua propagação na lata comunidade, mas existe geralmente uma profilaxia ou tratamento eficazes.
– o grupo 4 : comprend les agents biologiques qui provoquent des maladies graves chez lhomme et constituent un danger sérieux pour les travailleurs, o risco de sua propagação na comunidade é alta, ele n’existe généralement ni prophylaxie ni traitement efficace.

NB : São considerados patógenos biológicos, o grupos biológicos 2. 3. e 4.

V- OS DIFERENTES TIPOS DE BIOLÓGICA PERIGOS :

UMA- O risco de infecção :

A infecção é devida à penetração, Instalação e multiplicação em uma vida de um corpo agente biológico patogénico, a causa de muitas doenças infecciosas. De acordo com o agente biológico envolvido, a expressão de doenças infecciosas é altamente variável :
– Em sua localização (pele lesão, pneumonia, icterícia…).
– Em sua gravidade (febre, complicações cardíacas ou pulmonares …).
– No tempo de aparecimento (algumas horas, dias ou meses).

B- O risco toxina :

Existem dois tipos de toxinas produzidas por agentes biológicos que são responsáveis ​​por efeitos tóxicos :
– Les exotoxines : produzido tanto por principalmente bactérias durante a infecção (toxinas do antraz, tétano, difteria…), quer por molde. As micotoxinas podem persistir no ambiente, muito tempo depois do desaparecimento de molde.
– endotoxinas : que são componentes da parede celular de bactérias Gram negativas, libertado durante a divisão celular ou a morte das bactérias. Eles persistem por muito tempo após a morte de bactérias.

C- O risco immunoallergic :

manifestações alérgicas devido a agentes biológicos, pode ser alergias de pele e rinite frequentemente, asma ou doenças pulmonares para hipersensibilidades. Os efeitos dessas varia de limiar de um indivíduo para outro e, para o mesmo indivíduo, este limite pode variar ao longo do tempo.

D- O risco carcinogénico :

algumas infecções, quando eles se tornam crônicas, pode causar câncer. assim, quando hepatite B ou C não cura e se torna crônica, às vezes progride para cirrose hepática que pode com o tempo tornar-se complicado com câncer.

WE- O modo de transmissão :

No local de trabalho, a transmissão pode ser feito por via aérea (inalação), em contacto com a pele ou mucosas, inoculado (acidente, morder ou insecto mordida) ou por via entérica.

Os agentes biológicos são transmitidas aos seres humanos por na sequência de uma cadeia de transmissão, consiste em cinco ligações : o reservatório de agentes biológicos, sair portas ou modos de acesso ao reservatório, transmissão, Gateways e potencial de acolhimento.

O hospedeiro potencial está na extremidade da cadeia de transmissão. No local de trabalho, é o trabalhador, que podem estar contaminados e podem desenvolver uma doença se a exposição é suficiente e se não for protegida.

VII- procedimentos preventivos :

UMA- AGINDO NO fonte de infecção :

As medidas preventivas devem se concentrar principalmente sobre a origem de riscos, por conseguinte, o reservatório :
– Detectar um "reservatório" doente em uma comunidade e implementar rapidamente medidas de isolamento.
– Evitar a formação de um reservatório de exp : (vacinação de animais, rastreio e tratamento de animais doentes…).
– Para a maioria das atividades de risco, limpos para prevenir a proliferação de agentes biológicos.
– Para alguns setores (saúde, comida…) desinfecção e / ou esterilização, se necessário.
– Luta contra a proliferação de insetos e roedores poderiam espalhar o patógeno.

B- AGINDO NO MODO DE TRANSMISSÃO :

– Use recipientes específicos adequados para eliminação de resíduos contaminados.
– Melhorar a ventilação e o ar limpo das salas de trabalho para reduzir o risco de transmissão aérea.
– Limite de suspensão pó (preferem sucção até à secura varrimento…).
– Consciência vis-à-vis o risco pessoal envolvido.
– Porto de vestuário de trabalho adequado e observância de regras de higiene

C- O MÉDICO PREVENÇÃO :

1- A visita de contratação :

acompanhamento médico dos trabalhadores ocorre na contratação e durante toda a actividade profissional. Ao visitar a contratação, o médico do trabalho informa o empregado dos riscos biológicos relacionados com o exercício de sua profissão e meios de prevenção à contaminação evitar. além disso, ele fornece informações úteis sobre os sintomas que podem indicar infecção e o que fazer.

Esta informação deve permitir que o empregado para alertar o seu médico sobre possíveis sintomas profissionais para as quais seria necessário consultar.

A vacinação dos trabalhadores antes de subir para posições em risco.

2- A vistoria periódica :

– Reunir informações sobre as condições de exposição do empregado, com base no exame clínico.
– Prescrever testes adicionais, se necessário.
– Renove informações sobre a exposição profissional do empregado (incluindo agentes biológicos) e medidas preventivas coletivas e individuais adaptados ao seu posto de trabalho,
– Lembre-se das regras de higiene pessoal que participam neste prevenção,
– Para rever as vacinações.

3- visita espontânea :

Antes de qualquer acidente de trabalho : AES (ferimentos por objetos contaminados, projecção de Biologics), solicitar uma análise à luz do risco, estabelecer tratamento antibiótico, soroterapia e terapia de vacina. Agir da mesma forma em caso de síndrome infecciosa em busca de possível contaminação após o contacto com doentes.

VIII- REPAIR :

Antes de qualquer afeição, acho que para declarar a doença na doença profissional compensável, se ele aparecer em um reparo de mesa ou de natureza profissional e, como parte do acidente de trabalho se for um AES ou qualquer exposição a agentes biológicos acidente.

Referências :
– Abiteboul D. Professional Infecciosas riscos para os trabalhadores de saúde, EMC. (Elsevier SAS, Paris), Toxicologia Ocupacional-Pathology, 16-546-A-10, 2006.
– INRS : documento único e riscos biológicos. ED 4410, dezembro 2012.
– INRS : riscos biológicos no local de trabalho. ED 6034, Junho 2014.

Cours du Dr Chemaa – Faculdade de Constantino