células de’imunidade

1
9444

Eu- Introdução :

  • La plupart des cellules de limmunité prennent naissance au niveau de la moelle osseuse.
  • 2 tipos de respostas imunes:

Response inespecífica e específica :

  • células: mediada por células de resposta imune.
  • Moléculas em solução: resposta imune humoral.
/Users/adlane/Downloads/m%C3%A9decine/3%C3%A8me ann%C3%A9e/Immunologie/Constantine/3/media/image1.jpeg
células imunocompetentes

II- imunidade inespecífica :

1- polimorfonucleares :

  • As células caracterizadas por um núcleo com vários lóbulos.
  • Compreendem nas suas granulações citoplasma com diferentes afinidades de corante quando o esfregaço foi corado com MGG.

(MGG: May Grunwald Giemsa).

Assim, a lata em três categorias:

  • neutrófilos: granulações finas são corantes neutros.
  • eosinófilos: grande laranja grânulos de refracção.
  • basófilos polinucleares: grossesgranulatîons chamados metachromatic roxo.
/Users/adlane/Downloads/m%C3%A9decine/3%C3%A8me ann%C3%A9e/Immunologie/Constantine/3/media/image2.jpeg
granulócitos

UMA- Le polynucléaire neutrófilos :

  • Joue un rôle crucial dans l’imunidade inata, porque é o lParreira barreira de defesa contra o agente patogénico invasor.
  • ele s’appuie sur les effecteurs mîcrobîcides et cytotoxiques contenus dans ses granules.
  • Fagocítica de células de curta duração.
  • 60 para 70% leucócitos de sangue.
  • polylobé núcleo.
  • grãos intracytoplasmiques.
  • Difere das células estaminais mieldes na medula óssea.
  • Capacidade de migrar em resposta a um sinal quimiotático.

  • Fixo e o fagócito partículas de complemento opsonizado e anticorpos.
  • Destruídas microorganismos fagocitados muito eficientemente.
  • Desempenha um papel essencial na defesa contra a multiplicação extracelular em bactérias.
  • Envolvido em danos de tecido que envolvem reacções imunopatológicas complemento e anticorpos.

B- O eosinofílica polinuclear :

  • células citotóxicas localizada principalmente nos tecidos.
  • bilobado núcleo.
  • sobre 3% leucócitos.
  • Nascimento na medula óssea.
  • Em suma sangue passe.
  • áreas da pele e das mucosas.
  • Cellule cytotoxique dont lactivité repose sur le contenu des granulations.
  • A activação pode ser induzida por anticorpos capazes de se ligarem aos FcR ou alguns mediadores.
  • Senior Officer da luta contra certos parasitas.
  • Participa e reacções anafiláticas é aumentada em alguns vasculite.

C- O polinuclear basófilos :

  • De células com núcleo polylobé frequentemente escondido por quinze grânulos grandes.
  • nascimento espinhal, mastócitos distinta.
  • amadurecer célula para a sua saída a partir da medula óssea.
  • Expressa receptores para IgE. (RFcεl).
  • mecanismos de defesa importantes dan s contra certos parasitas.
  • Réactions danaphylaxie IgE dépendantes et IgE indépendantes.

2- o mastro :

  • Nascimento na medula óssea.
  • Grandes grânulos citoplasmáticos.
  • Em suma sangue passe, distribuição nos tecidos.
  • funções: resultando na libertação dos conteúdos dos seus grânulos
  • receptor de alta afinidade para IgE.
  • Receptores para alguns produtos de degradação adicionais.
  • Papel na luta contra certos parasitas.

3- Les monócitos / macrófagos :

03 compartimentos :

  • medular: precursores de assento.
  • Sang : monócitos.
  • tecido: macrófagos.

4- células NK :

  • As células natural killer.
  • 3população de linfócitos th.
  • não T celular, nenhum B.
  • Nenhum receptor específico do antigénio.
  • De células não-específica imunidade: 1era barreira de defesa do organismo.
  • Desempenhar um papel importante na:

– Imunidade infecção.
– imunidade anti-tumoral.

células NK têm características morfológicas que distinguem :
– grande.
– o volume citoplasmático significativa.
– Grânulos cytoplasmiques intra.
– Duas moléculas citotóxicas: Perforine, granzimas.
– LGL : Large Granular Linfócitos

Natural Killer (NK) célula

5- A célula dendrítica :

– nascimento: medula óssea.
– distribuição nos tecidos.

distribuição : au niveau de différentes parties de l’organização

III- imunidade específica :

As células T e B têm os seus receptores de antigénios de superfície (BCR, TCR) que lhes permitem fazer específico ou imunidade adaptativa.

– TCR : T Receptor celular
– BCR : B Receptor celular

1- linfócitos B :

– As células B proporcionar imunidade humoral devido à presença de anticorpos específicos.
– Os precursores de células B diferenciam-se na medula óssea em mamíferos.

UMA- Os marcadores de culas B :

imunoglobulinas de superfície :
– células B compõem cerca de 5 para 15% sangue linfócitos circulantes em seres humanos.
– As células B são facilmente identificáveis ​​graças à presença nas suas moléculas de imunoglobulina da superfície.
– imunoglobulinas de superfície são um excelente marcador para as células B e representa o receptor do antigénio de linfócito B madura.
– A maioria das células B no sangue humano expresso 2 isotipos de imunoglobulina na sua superfície, IgM IgD et, detentores da mesma especificidade do antigénio.

B- A ontogenia das células B :

uma- A célula-B imaturas de células estaminais :

Maturação e diferenciação de células B ocorre ao nível da medula óssea em contacto com as células do estroma não linfóides.

Ele tem quatro etapas :
– pro células B início
– células Pro B tarde
– células B pré : synthèse expressão et de la Chaine μ à superfície das células
– imaturo B Célula : expressão na superfície de linfócitos de completa IgM.

b- Du linfócitos B imaturos au linfócito B maduro :

Dentro de dias, a célula B imatura irá diferenciar em células B maduras, que expressam IgM e a mesma especificidade para o antigénio de superfície IgD.

Esta fase de diferenciação ocorre nos órgãos linfóides periféricos.

Dentro destes órgãos as células B irá localizar as chamadas áreas T-independentes.

Após activação com um antigénio específico amadurecer as células B diferenciam-se em células do plasma que segregam anticorpos.

2- As células T :

As células T: imunidade imunidade mediada por células, que compreende vis-à-vis:
– agentes bacterianos ou virais.
– rejeição do transplante, rejeição tumoral.
– reacções de hipersensibilidade retardada.

O timo tem um papel importante na diferenciação e maturação das células T.

UMA- marcador de células T :

O receptor de antigénio específico : TCR :

Figura 2. marcadores de membrana chave de células T.

B- A ontogenia das células T :

– Para diferenciar adequadamente, timócitos estabelecer contacto próximo com as células de estroma tímico (células epiteliais, macrófagos e células dendríticas do timo que expressam fortemente antigénios MHC incluindo aqueles de Classe II).
– A região subcapsular é o primeiro a ser colonizado por células estaminais.
– Há uma proliferação de células muito mais intensa no córtex do timo e células principalmente imaturos encontrados que constituem 85-90% des timócitos.
– Timócitos maturação é acompanhada pela migração do córtex do timo para a medula.

on distingue 3 marcos :

– Stade Em : Timócitos triplo-negativo :
derivados de células estaminais de medula óssea, precursores de células T não expressam receptores de membrana CD3, CD4 e CD8, eles são timócitos triplo-negativos.

– Stade II : Timócitos positifs duplas :
que diz respeito, em algum momento 85% células do timo. Caracteriza-se pelo aparecimento de CD1 e co-expressão de CD4 e CD8, timócitos são duplos -positivo.
É nesta fase que o rearranjo de genes que codificam para a cadeia a de TCR α ocorre.
TCR de baixa densidade falará associado com o complexo CD3, na superfície desses timócitos.

– Stade III : Timócitos positifs simples :
Estágio marcado por uma expressão aumentada do receptor de complexo T / CD3, perda de células CD4 ou CD8, é as células positivas individuais próprios.
Em vista disso, timócitos estágio, As células T são indistinguíveis da periferia.

seleção negativa ocorre na fase de timócitos single-positivos.

Ele é a eliminação de timócitos cujos receptores reconhecer T com péptidos de alta afinidade auto (células T auto-reactivas).

No final de maturação timócitos a partir do timo e órgãos linfóides periféricos colonizar.

Figura 1. Diagrama da maturação intra-timo de linfócitos T

Cours du Dr Benachour – Faculdade de Constantino

1 COMENTE