atestados médicos

0
12571

Eu- problematique : PORQUE O atestado médico?

Qualquer violação de’integridade somato-psíquica a uma pessoa humana d’origem patológica e / ou traumática provável:

  • A um direito de compensação ou benefícios para o paciente e / ou vítima
  • Gerar autoridades gastos
  • Por vezes, causar penalidades para terceiro responsável

Para fazer isso paciente e / ou vítima precisa de atestado médico para justificar uma saúde atestados médicos de todos os tipos são rotineiramente solicitado pelos médicos:

  • Pacientes e cessionários.
  • os feridos.
  • Os indivíduos saudáveis

Agir vida prática corrente (ato d’ajuda para pacientes) o que permite’fornecer todos os benefícios para o paciente e / ou vítima.

II- QU’É o que’CERTIFICADO MÉDICO ?

Um atestado médico é um acto destinado a encontrar, ou para interpretar um fato d’ordem médica d’um paciente, que é fornecido, Para afirmar o que é certo :

Pode s’agir:

  • penal (queixa de arquivamento),
  • Civil (solicitação de reparo),
  • Social (procura de pensões, licença por doença)
  • ou outro… (vacinação, ou mesmo um estado de boa saúde, tais)

MÉDICO ACT :

Deve ser estabelecida por um médico, eu’interno está autorizado a assinar sob a responsabilidade do chefe de departamento.

Arte 57 o código de ética médica:

"Sem dar qualquer pedido abusivo de seus pacientes, o médico, o cirurgião dentista deve’esforçar-se para facilitar a sua’obtendo d’benefícios sociais aos quais seu estado de saúde lhes confere direito ".

A redação do atestado médico é sempre um ato sério do’prática médica

  • Cada médico deve conhecer as leis e regras de redação deste texto.
  • Apela a responsabilidade do médico em termos:
  • penal,
  • Civil,
  • Ordinal

III- AS REGRAS DE REDACÇÃO :

  • REGRAS GERAL A escrita de’um atestado médico deve atender :
  • PRINCÍPIOS DE FUNDOS
  • PRINCÍPIOS DE FORMAS

REGRAS GERAIS :

O exame clínico :

Nenhum atestado médico deve ser emitido, a menos que’após um exame físico da pessoa’diz respeito, suplementado, se necessário, por meio de exames adicionais (biológica e radiológica).

Qualquer desvio desta regra absoluta é uma falta profissional grave, mesmo que’ele é’agit_d’um certificado atestando um estado de boa saúde

Certificar a VERDADE :

  • O CM deve estar lá’expressão mais estrita da verdade.

Deve responder ao motivo que justificou a sua questão e relatar fiel e objetivamente as conclusões feitas durante o’exame da pessoa doente ou ferida.

  • Eles não devem ser escritas levemente como ele se envolve responsabilidade profissional e criminal

médico.

Respeitar o segredo médico, :

  • O certificado deve conter apenas os únicos elementos necessários "para servir e para fazer valer esse direito".
  • A menção de’um diagnóstico deve aparecer apenas a pedido do paciente, depois de l’Tendo alertado para as possíveis consequências da divulgação do segredo.
  • O conteúdo deve ser adaptado para a finalidade do certificado.
  • Em caso de requisição, só devem responder a perguntas.

NÃO CERTIFIED À LUZ :

– A emissão de certificados falsos ou certificados de conveniência é proibida e punida nos disciplinar como legal (Arte 226 o código penal. Arte 238 o Código de Saúde e Arte 57 e 58 Código de Ética).

– Se o certificado cria um prejuízo a terceiros, ele pode pedir uma indemnização do médico, sob a sua responsabilidade.

Organismos de segurança social ,ter a capacidade de apresentar uma reclamação ao Conselho Regional da’ordem.

Justificar a aplicação E QUE emitir o certificado :

O médico n’não omitirá especificar que o certificado é "estabelecido a pedido do paciente e entregue em mão ao’interessado ».

exceto:

  • requisição : O documento é dirigido a I’ "Autoridade requerente" ;
  • do menor : o certificado é entregue ao titular da’autoridade parental
  • O adulto protegida : a regra é que o certificado é enviado para o tutor.
  • É prudente colocar certificado as palavras a seu pedido e entregue em mãos ".

REGRAS DA SUBSTÂNCIA DA ESCRITA :

O atestado médico deve ser:

  • Legível em particular por » sem médicos ».
  • Clara e inteligível (lexicologie acessíveis ao que se destina).
  • medido : cumprir um plano padrão.
  • completo.
  • específico : Os dados subjectivos atribuídos ao paciente.
  • Lovai : fatos.

REGRAS forma de escrita :

papel timbrado, papel livre, formas pré-estabelecido: À mão ou computador.

Deve incluir :

  • identidade do médico: Freqüentemente c’é’cabeçalho ou carimbo. "Eu, abaixo assinado, Dr… ».
  • identidade exata do paciente : pedaço de’identidade / "Diz meu nome é Mr. (Senhora)… ».
  • Data de’revisão : pode ser # Data e hora da escrita trauma. « …Certifico que examinados hoje (ou…)»
  • Momento da escrita : nenhuma ante certificado ou pós-datados;
  • Assinatura Mão e carimbo.

(Mantenha uma cópia do certificado.)

CONTEÚDO :

  • eu’declarar as declarações do paciente e atribuí-las a eles
  • descobertas médicas : Objetivos ;
  • conclusões : d’ordem médica :

• Duração de descanso, tratamento, hospitalização, aptidão, etc.

WE- O QUE SÃO O certificado que o médico é obrigado a entregar ?

  1. Certificados cuja produção é exigido por lei e regulamentos
  2. O certificado emitido sob’um REQUISITO
  3. O certificado de internamento

1- CERTIFICADO qual a produção é previsto por lei ou regulamentos :

  • vacinações obrigatórias.
  • certidões de nascimento e de morte.
  • colocação em psiquiátrica.
  • O certificado pré-nupcial.
  • aborto terapêutico.
  • Os acidentes de trabalho e doenças profissionais.
  • Atestando a deficiência física ou mental.
  • Certificados de’agravamento de pensionistas militares
  • CERTIDÃO DE NASCIMENTO
  • A.. /.. / ….anterior ….hora e minuto
  • nasceu(e), …8…Sex chamado(e)
  • filho (ou filhas) de (primeiro e último nome do pai) nascido no / /
  • (profissão) e (primeiro e último nome da mãe) nascido no / /
  • (ou profissão, falta, "Sem ocupação"), sua esposa,
  • domiciliado

> (se o pai é falecido, adicione o local ea data da morte em vez da profissão).

CERTIFICADO DE MORTE :

A escrita de’um atestado de óbito é um ato médico muito importante do ponto de vista administrativo e judicial.

eu’artigo 78 código l’estatuto civil confia ao médico o papel de registrar mortes, c’é de fato para ele, d’primeiro a fazer o diagnóstico da morte e, em segundo lugar, dizer s’ele é’age ou não d’morte suspeita.

Não confunda a certidão de óbito e permita’enterrar.

A licença’enterro é emitido por l’oficial’estatuto civil mediante apresentação de um atestado de óbito elaborado por um médico.

O certificado de morte é impresso com duas peças :

o topo : é o certificado de mortes reais.

A parte inferior : destina-se à gestão da saúde para as estatísticas de mortalidade.

CAUSA DE MORTE

A causa direta :

C’ou seja, a doença que causou diretamente a morte.

intervindo causa :

eu’condição mórbida que eventualmente levou a’passo mencionado.

A causa inicial :

Natureza da doença subjacente, de’acidente, suicídio ou’homicídio

As causas associadas

tendo contribuído para a morte, mas não relacionado à doença que l’causou

EXEMPLO DE MORTE NATURAL

causa direta : sangramento gastrointestinal.

Porque intermediário : varizes esofágicas.

causa raiz : Cirrose do fígado

causa associada : tuberculose

EXEMPLO DE morte violenta

causa direta : adicional hematoma Dural.

Porque intermediário : fratura de crânio.

causa raiz : Caem de escadas

causa associada : H.T.A .

EXAME PSIQUIÁTRICO D’ESCRITÓRIO :

Este pedido é apresentado com o Ministério Público junto do tribunal ou wali.

ele s’age de’um certificado de reconhecimento, deve descrever os sintomas e listar as tendências em transtornos psiquiátricos apresentados pelo paciente:

Arte 113 (LPPS) "Este paciente deve ser examinado d’consultório em uma enfermaria ou hospital psiquiátrico "

eu’HOSPITALIZAÇÃO D’ESCRITÓRIO :

o pedido de’hospitalização’O consultório é escrito pelo médico psiquiatra da’estabelecimento e dirigido a Wali.

O detalhe doutor vontade as reações perigosas atuais e do passado do paciente e os riscos que podem surgir de um presente .Arte 124 e 125 (LPPS)

Os certificados não previstas na lei, mas essencial PACIENTE PARA :

  • Atestando deficiência ou cegueira.
  • Reconhecimento de assalto por justiça.
  • gravidez CM.
  • eu’I.T.T. não corresponde’paralisação. ele s’atos do período durante o qual a vítima não será capaz de realizar ou sofrerá um desconforto significativo no’realização dos atos usuais da vida (ver fazendo, manjedoura, s’vestir-se…).
  • CBV
  • Um inferior eu .T.T / = a 15 dias
  • expor l’autor em um contravenção
  • Superior a I.T.T 15 dias, é
  • statuée como ofensa.
  • CBI
  • CERTIFICADO DE GRAVIDEZ
  • Eu, abaixo assinado,, MD, diz, depois de analisar Ms. (ou senhorita), residente, que mostra os sinais de’uma gravidez ativa cujo prazo está programado para / /
  • Este certificado é emitido a pedido do’interessado e entregue à mão para afirmar o que é certo.
  • mas //
  • C’é a regra de três meses

2- O médico também é obrigado a emitir um atestado médico’ele é’são certificados emitidos sob’um PEDIDO de’um representante de’autoridade pública.

3- nos hospitais, qualquer paciente que sai para receber atestados médicos necessários para a justificação dos direitos

V- QUAIS SÃO OS CERTIFICADOS QUE O MÉDICO N’NÃO É NECESSÁRIO ENTREGAR ?

Estes são todos os casos não previstos certificados por lei.

Qualquer médico pode recusar-se a emitir um certificado (exceto nos casos de’liminar legal) desde antes do apoio aos doentes, ele diz a ela que’ele não iria emitir um certificado.

Os médicos ainda são aconselhados a facilitar o’obtenção pelo paciente, benefícios que sua condição lhe dá direito sem ceder uma demanda "abusiva".

WE- QUEM DEVE dar a estes CERTIFICADOS ?

Sob a regra da confidencialidade médica. Esses certificados devem ser entregues "à mão" para o paciente É bom final com a fórmula habitual:

"Certificado emitido ao pedido do paciente ….X e entregue a mão (encontro) ».

Certificados dados PARTES PARA TERCEIROS

Alguns certificados pode ser atribuído a terceira Esses são todos os casos de excepções legais a confidencialidade médica como CM :

  • De doenças notificáveis
  • internamento
  • Rehab
  • acidentes de trabalho e doenças profissionais
  • abuso de crianças ou pessoas com deficiência
  • Declarações relativas à’estatuto civil(nascimentos e mortes)

CASOS ESPECIAIS

se’inconsciência, é preciso recuperar a consciência e dar o certificado em pessoa para o paciente

Em caso de coma prolongado, o certificado pode ser entregue à pessoa responsável pela’garantir os interesses materiais do paciente.

Quando’ele é’age de’menor de idade, o certificado deve ser entregue ao responsável legal.

O atestado médico não pode, em circunstância alguma, ser emitido para o cônjuge

VII- OUTROS DOCUMENTOS MÉDICO :

prescrição

relatórios

VIII- RESPONSABILIDADES DO AUTOR DO DOUTOR D’UM CERTIFICADO :

1- A responsabilidade moral do médico :

a relação paciente- médico ou "a reunião de’uma confiança ed’uma consciência ".

A responsabilidade moral, portanto, permanece lá.’negócios de todos enfrentando sua própria consciência.

2- RESPONSABILIDADE SOCIOECONÔMICO MÉDICO :

Ela decorre de seu papel como médico das despesas de saúde (exames clínicos Pará, atendimento por paramédicos, medicamentos e terapêutica).

3- RESPONSABILIDADE CRIMINAL :

A distorção da verdade no MC constitui "um certificado falso" cuja sanção está prevista no’art.226 CPA

três requisitos:

  • eu’alteração da verdade deve ser intencional
  • eu’intenção deve ser culpada
  • A lesão deve estar presente ou pode ser (material ou moral).
  • Arte. 226 – qualquer médico, cirurgião, dentista, saúde ou parteiras oficial, no’exercício de suas funções e favorecer alguém’um certificado ou ocultação falsamente’existência de doença ou enfermidade, estado de gravidez ou fornece indicações falsas sobre a’origem de’uma doença ou incapacidade ou a causa de’uma morte, é punido por’prisão de’um a três anos, a menos que o fato constitua’uma das infracções mais graves previstas nos artigos 126 e 134.
  • O culpado pode, além disso, ser atingido a partir daí’proibir’um ou mais dos direitos mencionados em l’artigo 14 por um ano no mínimo cinco e no máximo.

4- RESPONSABILIDADE :

Os danos podem ser reivindicados a um médico, por uma pessoa s’considerando que ele foi ferido pelas declarações deste médico sob eu’arte. 124 você C.C.A.

5- responsabilidade disciplinar :

eu’estabelecimento de "certificados falsos" expõe o médico a sanções’ordem disciplinar sob’art.58 do código de ética médica:

"A questão da’um relatório tendencioso ou’um certificado de conveniência é Proibidos »

Curso do Dr. Ghennam – Faculdade de Constantino